No Mais Tutoriais você encontra tutorias e dicas sobre dinheiro, tecnologia e conhecimentos gerais. Downloads de aplicativos e livros.

Como evitar a recuperação de arquivos apagados no celular Android

Venda seu Smartphone com segurança: Evite a recuperação de seu arquivos

ANÚNCIO

A notícia se espalhou como um viral pela internet: a firma de segurança online Avast comprou um lote de smartphones usados no Ebay e, mesmo depois do wipe, conseguiu recuperar arquivos (dados) da maioria deles, de fotos comprometedoras a documentos sobre empréstimos bancários.

Grupo do WhatsApp Entrar
Grupo do Telegram Entrar
Grupo do Instagram Entrar

Como muitos pesquisadores descobriram, os dados podem ser recuperados com as ferramentas certas, mesmo após a redefinição de fábrica. Isso ocorre porque quando você exclui algo, o arquivo em si não é realmente sobrescrito – o sistema apenas joga fora todas as informações do arquivo, essencialmente jogando-as com qualquer espaço livre que você tiver. Os dados recuperáveis ​​podem ser um verdadeiro problema de privacidade se você planeja vender ou doar seu telefone Android. Por sorte, existem algumas pequenas medidas de segurança que você pode tomar antes de entregar um aparelho antigo a um novo usuário. Abaixo, explicamos como fazer para garantir que ninguém consiga acessar seus arquivos antigos, mesmo que eles tenham sido apagados da memória do seu aparelho.

Criptografe seus dados

Alguns smartphones lançados recentemente já contam com criptografia de arquivos ativada de fábrica – caso dos Samsung Galaxy S7 e S8, por exemplo -, mas outros modelos exigem que o usuário ative o recurso.

ANÚNCIO

Com a criptografia ativada, fica mais difícil para um futuro dono do smartphone conseguir restaurar arquivos que tenham sido apagados do dispositivo. O recurso é nativo do Android e pode ser ativado de maneira simples: na versão pura do Android, ele se encontra em “Configurações” -> “Segurança” -> “Encriptação”.

Crie uma nova camada de dados apagados – Encha a memória interna com arquivos inúteis

Então, agora que você criptografou seus dados, redefiniu-os para a configuração original e apagou tudo, vamos ainda mais longe e garantir que os novos dados criptografados destruídos sejam ainda mais distorcidos e inúteis, substituindo-os por novos dados inúteis.

Vá em frente e configure seu dispositivo novamente, mas desta vez não faça login em nenhuma conta do Google nem nada. Depois que seu dispositivo estiver configurado como novo, vá em frente e comece a gravar um vídeo pelo maior tempo possível, na resolução mais alta. Repita o quanto for necessário para preencher todo o espaço. Assim, será criada uma nova camada de dados apagados e “desprotegidos” como despiste.

Em seguida, faça outra redefinição de fábrica. Pronto, agora você já pode vender seu smartphone usado sem medo.

você pode gostar também
COMENTE